Full Banner

terça-feira, 4 de maio de 2010

OBRA PUBLICA DE GRAÇA, SERÁ?

É no mínimo deprimente ver o prefeito da cidade no programa de sua cria política no último sábado, falar em alto e bom som que alguma melhoria que está acontecendo no Bairro Nossa Senhora da Saúde, Santa Maria é recurso da Prefeitura na verdade tem sim uma contra partida financeira do município e como sabemos o maior peso da verba é do Governo Federal, outra pegadinha armada durante a entrevista é a do dono do programa, o então deputado pediu calçada para a avenida Castelo Branco e o Prefeito disse que iria sim atender ao pedido, se é tão simples assim por que o deputado não faz o serviço completo e pede calçada pra todo Setor e o Prefeito manda fazer? Será que os cidadãos daquele Setor não merecem ser tratados de forma igual? E outra coisa, disse o Prefeito que a calçada é totalmente de graça outra lorota, nada é de graça.

Pelo que sabemos os altos impostos pagos por todos nós cidadãos é que financia toda e qualquer obra em nosso município. Portanto não aceitamos que tentem enganar o povo com mais essa mentira de que a calçada é de graça. E afirmo que se “ primeiro fosse feita a obrigação depois a diversão” era possível fazer bem mais obras para nossa gente e para nossa cidade, dando retorno através dos impostos arrecadados em forma de benefícios, seria o povo podendo usufruir da Saúde Publica com a qualidade que merece, seria os professores recebendo o piso salarial conforme manda a Lei, já que só construir escolas não basta é preciso valorizar todos os profissionais da educação e de toda administração pois amargam perdas salariais de muitos anos e não contam ainda com seu plano de carreira que foi prometido por essa administração, e não foi cumprido até então.

A diversão ainda é o nosso maior problema ela ainda vem em primeiro lugar e é preciso mudar essa lógica que se impõe aqui através do “PÃO E CIRCO”, prova disso são as escrituras dos moradores da Vila Mutirão que a quase 30 anos esperam até hoje não receberam apesar de termos políticos com mandatos com bem mais de 30 anos no poder e sempre do lado da situação, é por essa e outras que percebemos que quem hoje está no poder não tem como prioridade lutar pelos interesses e as necessidades do povo.

É fácil vermos também como em ano eleitoral tudo fica possível, tudo é muito fácil para os que correm do povo durante 03 anos e na época das eleições se prontificam em atender asfalto, calçadas, ginásio de esporte, sede do IML e muitas outras promessas tudo isso para mais uma vez tentar tapear e iludir os eleitores daqui e das cidades vizinhas .

Essa maldita forma de fazer política nos leva a pensar que ano eleitoral teria que ser todos os anos com mandatos anuais, uma vez que esses são incapazes de mudar suas posturas, assim esses engomadinhos do poder certamente trabalhariam e estariam sempre junto do povo resolvendo e lutando pelos interesses de toda sociedade com essa bondade que só vemos neles quando se quer enganar e pegar o voto dos eleitores cometendo assim o que chamamos de Estelionato Eleitoral.

Um comentário:

Anônimo disse...

eu ouvi no radio quando ele falou seu nome e disse a sua frase sobre que tem que ser primeiro a obrigação e depois diversão, esquenta não, ele fez graça mas tá tentando imitar e fazendo propaganda de graça pra você. abraços

Arquivo do blog