Full Banner

quinta-feira, 4 de março de 2010

quarta-feira, 3 de março de 2010

BBBRASILIA

Bem minha gente essa é uma daquelas criações que a gente não pode deixar de divulgar, em ano eleitoral então, eliminar políticos corruptos, e os que estão no poder e nada fazem pelo povo é tudo que precisamos, acompanhe no video.  

terça-feira, 2 de março de 2010

SÃO MARCOS SAINDO DA UTI ?

Pelo visto a idéia noticiada dia atrás sobre a compra de leitos de UTI na capital não vingou, ainda bem que não. Comprar serviços pelo poder Público Municipal aqui no Hospital São Marcos além valorizar a medicina local é preciso levar em conta o custo benefício de transportar menos paciente a Goiânia, e ainda permitir que enfermos e familiares possam estar ainda mais próximos em caso de quadros clínicos mais graves.
Agora que não dá pra entender o fato do Hospital São Marcos além de fechar a UTI também anunciar o fechamento das portas, não dá mesmo. Quando os interesses são outros como futebol, festa, campanhas políticas, shows artísticos, rapidinho, corre-se a sacolinha e o dinheiro aparece como se fosse um passe de mágica. Isso é uma vergonha!

EXPLORANDO O SOFRIMENTO ALHEIO

É humilhante para todo ser humano ter que se expor diante de suas dificuldades e por um cartão de renda cidadã então, é o cumulo. Volta e meia anuncia-se o cancelamento de cartões da renda cidadã em seguida vem a distribuição de mais cartões e junto a tudo isso o cordão de políticos todos posando pra foto e muitas mãos pra segurar um cartão. A farra é tão grande que parece até que os problemas do individuo estão resolvidos pra vida toda.

Já pensou se o dinheiro da farra da entrega dos cartões fosse revertido em mais cartões? Certamente mais e mais famílias carentes, estariam sendo beneficiadas com essa ajuda expondo menos ainda o sofrimento alheio. É preciso mudar essa realidade e  para os oportunistas dar tambem um  cartão, vermelho.

segunda-feira, 1 de março de 2010

Liderados por Heloisa Helena, parlamentares do PSOL apóiam pré-candidatura de Martiniano Cavalcante à presidência da República

Nos dias 10 e 11 de abril próximos o PSOL realizará sua III Conferência Eleitoral Nacional, momento em que será definido o pré-candidato oficial do partido à corrida presidencial 2010. Três pré-candidatos estão na disputa. Um deles, o presidente do PSOL de Goiás e da Fundação Lauro Campos, Martiniano Cavalcante, vem recebendo amplo apoio da base partidária e se apresenta como favorito no pleito.


Lançado inicialmente com o apoio de Heloisa Helena, presidente nacional do PSOL, pela deputada federal Luciana Genro (PSOL-RS) e por presidentes de 12 Diretórios Regionais da legenda, a pré-candidatura de Martiniano Cavalcante já conta com apoio do vereador Pedro Ruas, de Porto Alegre (RS), da vereadora Fernanda Melchiona, também de Porto Alegre, do vereador de Goiania (GO) Elias Vaz, do vereador Ricardo Barbosa, de Maceió (AL) e de Eliomar Coelho, vereador da cidade do Rio de Janeiro.


Pedro Ruas afirma que “Martiniano surpreenderá o país com a qualidade de sua intervenção política”. Para Elias Vaz, “Martiniano vai dialogar de forma natural com a base eleitoral conquistada pelo PSOL em 2006 com Heloisa Helena”. Ricardo Barbosa enfatiza que “a esquerda brasileira precisa consolidar cada vez mais novas lideranças nacionais” e que “Martiniano está preparado há muito tempo para assumir este papel”. A jovem vereadora Fernanda Melchiona diz que o PSOL “precisa ter um olhar especial para a juventude brasileira e que a candidatura de Martiniano é a que reúne mais potencial para desenvolver esta tarefa”. Já Eliomar Coelho diz que após analisar as propostas dos candidatos percebeu que Martiniano “traduz os pensamentos de um partido que acredita e não medirá esforços em continuar a ajudar a construir”.


Luciana Genro vê como natural o crescimento e receptividade de Martiniano pela base partidária e suas lideranças, pois sua candidatura aponta para um leito para o qual as energias do PSOL já estão canalizadas, que é a luta contra a corrupção, por uma nova economia, por alternativas concretas para as questões sociais e também para o meio ambiente. “O discurso do Martiniano é o discurso do PSOL”, afirma.


Heloisa Helena, que está empenhada na pré-candidatura de Martiniano e está com uma agenda nacional por várias capitais para apoiá-lo, diz que respeita muito as demais pré-candidaturas, mas assegura que Martiniano é o que melhor representa o sentimento de transformação presente nos alicerces de fundação do PSOL.

domingo, 28 de fevereiro de 2010

DEPUTADO CANDIDATO

Deputado candidato deita e rola em seu programa de rádio aos sábados, quer a todo custo convencer a opinião pública de sua competência parlamentar, nos microfones é fácil, no dia “D” é a vez do povo fazer a sua opção de renovar ou não o seu contrato de trabalho na Assembléia Legislativa de Goiás.




É que o eleitor já conhece bem esse modelo de político que aparece só no período eleitoral em que precisa do seu voto. Como já são quatro mandatos, o povo já está calejado da mesmice, agora mesmo fazendo parte da mesa diretora da Assembléia e base de apoio do Governo não se vê atuação convincente do mesmo.



Os professores que o digam, como são fortes formadores de opinião sabem o que passaram na mão do Deputado com falta de apoio nas lutas da categoria. Como pertence a base de apoio do Governo só vota projeto de interesse do mesmo, tempos atrás foi contra a valorização dos profissionais da educação.



Por aqui a categoria não perdeu tempo fez o enterro político do Deputado candidato na porta da sua emissora, ou seja politicamente está morto para essa categoria, alguém duvida?

Arquivo do blog