Full Banner

sábado, 21 de julho de 2012

PSOL de Itumbiara solicita ao Ministério Público que proíba carros de som na campanha eleitoral deste ano.


O diretório municipal  do PSOL de Itumbiara, bem como o candidato do partido às eleições para prefeito de Itumbiara deste ano, João Maria Oliveira, protocolou na tarde de ontem às 16h00 um documento na Promotoria de Meio Ambiente do Ministério Público da cidade solicitando que a campanha eleitoral com carros de som e fogos de artifícios entre outras coisas sejam proibidas este ano, ressalvados  casos específicos

Na última eleição municipal (2008) os candidatos também não contaram com este tipo de recurso e não houve nenhum problema, apenas ganhos uma vez que a  população reconheceu como positiva aquela medida..

Já está comprovado cientificamente que a emissão exagerada de ruídos provoca danos à saúde humana, podendo causar distúrbios físicos e mentais. Além disto, a emissão de ruído acima do permitido por lei é considerado poluição sonora, podendo perturbar a segurança viária, o sossego público e a qualidade de vida de toda a população.

Diante disto, o PSOL acredita ser de extremo interesse público que não sejam permitidos carros de som durante a campanha eleitoral e conclama todos os partidos políticos envolvidos na disputa eleitoral para aderirem a essa medida. "Todos os candidatos possuem inúmeras formas de divulgarem suas plataformas eleitorais, como televisão, rádio, Jornais, sites e redes sociais e ainda o corpo a corpo com o eleitor, tornando os carros de som totalmente dispensáveis".

O partido tem plena convicção que o respeito ao eleitor começa ainda durante a campanha eleitoral, e o excesso de barulho provocado pelos carros de som são um desrespeito à população. A direção do partido vai solicitar ao MP que intervenha de forma firme no sentido de coibir este desrespeito ao povo de Itumbiara e garantir que este processo eleitoral seja tão tranquilo quanto o processo eleitoral de 2008.

Leia aqui o documento protocolado no Ministério Público de Itumbiara.






Nenhum comentário:

Arquivo do blog